Relatório OMPI 2020 – Indicadores de Propriedade Intelectual

Relatório OMPI 2020 – Indicadores de Propriedade Intelectual

Em 07 de dezembro de 2020, a Organização Mundial da Propriedade Intelectual (OMPI), internacionalmente conhecida por World Intellectual Property Organization (WIPO), divulgou o Relatório Mundial de Indicadores da Propriedade Intelectual (World Intellectual Property Indicators Report). Contendo dados e análises sobre a propriedade intelectual de aproximadamente 150 países, o relatório fornece material informativo a agentes tomadores de decisão, empresários e interessados em geral a respeito de macro tendências nas áreas de inovação e criatividade.

De acordo com o Diretor Geral da OMPI, Daren Tang, observou-se um alto nível de inovação e criatividade no final de 2019, período inicial da pandemia de Covid-19. Além disso, Daren Tang entende que, neste cenário pandêmico, houve incentivo à adoção de novas tecnologias e aceleração da digitalização de atividades cotidianas, e que a propriedade intelectual se tornará ainda mais relevante para muitos países após a pandemia.

Em relação às patentes, o relatório ranquea os 5 Escritórios de Patentes mundiais com os maiores números de depósitos de pedidos em 2019: Escritório de Patentes da China (CNIPA, com 1,4 milhão de depósitos), Escritório de Patentes Americano (USPTO, com 621.453 depósitos), Escritório de Patentes Japonês (JPO, com 307.969 depósitos), Escritório de Patentes Sul Coreano (KIPO, com 218.975 depósitos) e o Escritório de Patentes Europeu (EPO, com 181.479 depósitos). Todos estes países/regiões apresentaram aumento no número de depósitos, exceto a China e o Japão, que possuem queda de 9,2% e 1,8%, respectivamente. Entende-se que a queda de aproximadamente 10% observada na China esteja relacionada à diminuição de depósitos feitos por residentes, em meio a diversas alterações feitas nas diretrizes internas.

Paralelamente, houve um aumento de 1,3% no número de depósitos de pedidos de desenhos industriais em todo o mundo. Os países/regiões que mais se destacaram foram a China, União Europeia, Coréia do Sul, Estados Unidos e Turquia. De acordo com a OMPI, atualmente há cerca de 4,1 milhões de registros de desenho industrial vigentes no mundo.

Maiores informações podem ser obtidas no site oficial da WIPO, clique aqui.

O Relatório Mundial de Indicadores da Propriedade Intelectual 2020 está disponível, na íntegra (em inglês). Para acesso clique aqui